Deputado Eleuses Paiva - PSD/SP (Foto: Heleno Rezende)

Em pronunciamento na tarde desta segunda-feira (4), o deputado Eleuses Paiva (PSD/SP) manifestou indignação com a medida provisória editada no mês de maio, que pode reduzir de 50% a 70% os vencimentos dos médicos federais. “A medida provocou uma onda de greve dos servidores pelo País, especialmente entre médicos e professores. Além disso, congela os vencimentos dos mesmos por tempo indeterminado e cria um sistema de gratificação, a meu ver, injusto, que mais parece uma forma de camuflar as perdas salariais significativas”.

De acordo com o parlamentar, se aprovada, a MP pode representar uma perda de quase 50 mil médicos federais demissionários. “Isso representará o agravamento da crise do sistema público, hoje já tão carente”, alertou.

Leia mais no PSD Câmara.